Preocupados com a segurança de nossa pequena, sempre estamos investigando a casa atrás de alguma coisa que possa provocar algum acidente com ela. Só cozinhamos na boca de trás do fogão – com os cabos virados para o fundo dele  -, colocamos travas na gavetas, evitamos ao máximo colocar “coisas” que ela gostaria de pegar em portalocais altos, porém “quase-acessíveis”, tipo nas mesas, escrivaninha… Porque para ela arrastar uma cadeira e subir é “um-dois”. Ontem de noite enquanto estávamos distraídos, ela entrou em nosso quarto e trancou-se lá. Com chave e tudo. Na hora me veio a cabeça “Como não pensamos na chave! Pra que esta chave no quarto? Que idiota que eu sou!” Enfim, ela estava lá, presa. Tentamos pedir a ela que virasse a chave, mas a pequenina estava desesperada, chorando como nunca tinha visto, gritando demais. Tentamos usar a chave do outro quarto pois a portas são iguaizinhas, mas não deu certo, pensei em “derrubar” a porta como nos filmes de ação, tipo um Rambo ou um Chucky Norris, mas ela poderia estar atrás e machucar-se, queria ser até o Mac Gyver e com apenas um clips abrir a porta. Nada, tinha que dar um jeito.

A solução está na foto. Acabei com a porta e o segredo da chave. Mas a pequenininha ficou bem. Tiramos todas as chaves das portas e por segurança as joguei fora!

Anúncios